quinta-feira, 1 de setembro de 2011

À Distância de...



I

No Outro Lado...


Mau, a tua primeira palavra que me foi destinada. O primeiro sulco de pólvora que usaste para comunicar comigo ao de longe...não sabemos se é fogo que nos espera, ou uma extinção à nascença. Só o tempo dirá.


O teu lado interessante começa a despertar a minha curiosidade, diálogo racional e opiniões formuladas, independentemente se estejamos de acordo ou não, existe entendimento mútuo...deveras importante o diálogo entre dois.


Demos um passo em frente, sem medos ou falsas expectativas do que poderia surgir, e de modo telefónico, ficámos unidos por momentos...


A tua voz ao longe, como uma lente de fundo de garrafa, se projectou nos meus ouvidos, ganhou vida ainda que por modo interrupto de uma fraca ligação, do lado de lá, uma voz receptiva e meiga...




II


Beijosaria- Beijos que valem Ouro.



- Boa noite!
- Boa noite!
- Em que posso ajudá-la?
- Procuro beijos.
- Que tipo de beijos procura? Temos todos os beijos disponíveis no mercado.
- Olhe, para ser sincera, não sei bem ainda o que quero...
- É para que ocasião?
- Sou nova nisto da Beijosaria, não sei bem para que serve ou quando usar os ditos beijos!
- Estou aqui é para ajudar, ora bem, temos uma variedade de beijos e visto que iniciante, vamos lá ver o que mais se adequa a si. 
Veja lá se gosta deste?

- Hum...esse para que serve?
- Este serviu para cumprimentar uma pessoa pela primeira vez, de forma educada e respeitadora, uma verdadeira cortesia. Vamos ao próximo?
- Sim, se faz favor.

- Humm...e esse, para que serve?
- Bom, este serve para namoriscar, é o chamado " Atrevido ", muito usado hoje em dia, é prático e descomprometido. Vamos ao próximo?
- Sim, por favor.

- Hummm...esse?
- Bom, este é o " Apaixonado ", usa-se quando se ultrapassa o beijo anterior, é um pouco mais forte, pode ser visto com alguma dificuldade porque a tendência é para desaparecer por causa dos interesses, depende do futuro uso que lhe der.
- Haahh, estou a perceber.
- Vamos ao seguinte?
- Sim.
- Mas olhe que este é um verdadeiro topo de gama, não é para qualquer um, é difícil de manter pois requer muita manutenção e dedicação.

- Hummmm...hummmm...é realmente fantástico, até me arrepiei. Como se chama?
- É o beijo " Línguado ", requer técnica e ginástica linguística. Se é que me entende.
- É de facto qualquer coisa...ai, até estou com um pouco de calor...
- Sim, é um verdadeiro fenómeno. Vamos ao próximo?
- Sim, sim!

- Hummmmmmmmmmmmm...hummmmmmmmmm...ai, ai, já estou tonta...como se chama?
- Esse é o mais raro que tenho em stock, uma verdadeira relíquia nos dias de hoje, atrevo-me a dizer, um produto em bruto na sua forma e conteúdo mais pura.
- Ai, não sei se estou preparada para um beijo desses, deve ser caríssimo, não sei se posso...
- Há beijos mais em conta, mas não sei se vai gostar.
- Fazemos assim...eu vou pensar e depois quando decidir volto cá e conversamos, pode ser?
- Ora essa, não tenha pressa, volte quando quiser, estarei aqui para o que precisar.
- Obrigado.
- Obrigado eu, volte sempre.

8 comentários:

  1. lol....

    Escrito ao som da musica Amor Fati?

    Amei, está lindo, obrigada.

    ResponderEliminar
  2. A história ainda mal começou, não sei se haverá meio e fim...lol

    ResponderEliminar
  3. Aguardo as continuações.
    Sim eu sei que sou ruim

    ResponderEliminar
  4. Não és nada " ruim " , Utena. Longe disso ;)

    ResponderEliminar
  5. Olá, Caracol, obrigado pela visita ;)

    ResponderEliminar
  6. Gostei imenso, Sharky. Especialmente da segunda parte, que está escrito de uma forma atraentemente divertida! :P
    Parabéns e continua!

    ResponderEliminar