domingo, 28 de novembro de 2010

Kituah

Mãe sem medo, protectora
Fala com o coração e não mente.
Uma força avassaladora
Ai de alguém que tente.

Cuida da sua cria,
De noite dá-lhe calor.
Aproveita parcerias
Para fugir ao terror.

A sua pequena faleceu,
Começou então a definhar,
Ainda hoje, não esqueceu.

Tão longe e tão só,
A sua alma deixou-se vaguear,
O resto não passa de pó...

Sem comentários:

Publicar um comentário